Atingidas por barragens protestam contra Vale, no Rio de Janeiro

Colabore com o jornalismo independente, compartilhe.

No Dia Internacional de Luta das Mulheres, atingidas por barragens realizam protesto na sede da Vale, no Rio de Janeiro.

 

Nesta terça-feira (08), Dia Internacional de Luta das Mulheres, o Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB), juntamente com o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e demais movimentos sociais e sindicais, realizará um Ato nacional contra a empresa Vale. A atividade terá inicio às 10 horas da manhã em frente ao escritório da Vale na Rua Almirante Guilhem, 378, Leblon, Rio de Janeiro.

O objetivo da ação é denunciar e responsabilizar a empresa Vale pelo crime social e ambiental ocorrido em Mariana, onde centenas de pessoas ainda estão desalojadas, desempregadas e ainda muitas famílias estão fora do processo de indenização.

Nesta semana outras mobilizações estarão ocorrendo em diversas regiões do país. Para o MAB o mês de Março é o mês de lutas e o dia 14 é considerado o Dia Internacional de Lutas contra as Barragens, pelos Rios, pela Água e pela Vida.

Assessoria de imprensa:

Neudi – (21)969505605

Fonte: Movimento dos Atingidos por Barragens

 

anuncio-tsm-posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *