Choque de realidade

Colabore com o jornalismo independente, compartilhe.

Roger Pereira
Coluna GV Inferior
Terra Sem Males

Passada a euforia controlada por conta da conquista de um título, que não acontecia desde 2009, o Atlético voltou suas atenções ao Campeonato Brasileiro, a competição que a diretoria segue dizendo ser o grande objetivo do clube e que, por ela, já abriu mão de disputar para vencer o campeonato estadual em anos anteriores.

Pois a primeira impressão da participação atleticana no certame nacional deixou clara a fragilidade de nossa competição estadual e deu mostras que o sonho de disputar um Brasileirão de igual para igual com os grandes clubes do país ainda está distante.

O time que venceu o Paranaense passando, nas fases decisivas pelas outras três forças do estado (Londrina, Paraná e Coritiba) e que teve uma vitória incontestável na decisão, somando 5 a 0 sobre o grande rival local, foi presa fácil do Palmeiras, eliminado na primeira fase da Libertadores e na semifinal do Campeonato Paulista.

Os 4 a 0 no Allianz Parque, é um sinal da distância que o futebol paranaense ainda está em relação aos clubes do grande eixo. Ainda bem que neste ano decidimos conquistar o título estadual, pois uma conquista em nível nacional, a primeira vista, parece distante.

anuncio-tsm-posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *