Comunidades rurais preparam doação de alimentos em General Carneiro e Bituruna neste sábado (15)

Compartilhe esta notícia.

Ação faz parte da campanha nacional do MST em solidariedade às famílias que enfrentam a fome durante a pandemia da Covid-19

Foto: Josiane Grossklaus 

Famílias de Bituruna e General Carneiro que enfrentam dificuldades financeiras neste período de pandemia do coronavírus vão receber cerca de 6 toneladas de alimentos da Reforma Agrária e da Agricultura Familiar, neste sábado (15).Feijão, arroz, mandioca, batata doce, laranja, pães caseiros, hortaliças, temperos e outros alimentos colhidos direto das lavouras e hortas dos camponeses farão parte das cestas partilhadas. 

Os produtores e produtoras que participam da ação vivem em sete assentamentos de Bituruna – 12 de Abril, Rondon III, Criciuminha, Santa Bárbara, 27 de Outubro, Etiene e Sonho de Rose -, no acampamento Reduto Caraguatá, de Paula Freitas, e em comunidades da Agricultura Familiar de General Carneiro, União da Vitória e Porto Vitória. 

A ação faz parte da campanha nacional do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) em solidariedade às famílias que enfrentam a fome durante a pandemia da Covid-19. Desde o início de abril, mais de 2.800 toneladas de alimentos foram doadas por famílias Sem Terra em todo o Brasil. 

No Paraná, as doações chegaram a 400 toneladas de alimentos no último sábado. Em Curitiba, 10.500 marmitas já foram produzidas e distribuídas pelo MST, em parceria com coletivos, campanhas e movimentos urbanos. 

Neste sábado, famílias do Movimento também preparam doação de 2 toneladas de alimentos em Tamarana, no norte do estado, e de 4 toneladas em São Mateus do Sul, na região sul do Paraná. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *