Jovem é agredido por PMs dentro de casa em Curitiba

Compartilhe esta notícia.

Vídeo de moradores mostra violência e relatos apontam que Bope usou sprays de pimenta

Clique na foto para ampliar.

Por Brasil de Fato Paraná

Uma situação é cada vez mais frequente no bairro Parolin e na periferia de Curitiba: a violência e agressão desmedida por parte da Polícia Militar.

O Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar (Bope) realizava abordagem na favela, na noite de ontem (16), diante de uma das residências, e obrigou um jovem negro, cuja identidade será preservada, a sair de casa.

Ele se recusou, alegando não ter cometido qualquer infração. O jovem, de quatorze anos, entrou dentro de casa e quatro integrantes Bope, em plena pandemia da Covid-19, entraram na residência para arrancar o jovem dali enquanto lavava a louça, na cozinha.

“Jogaram sprays de pimenta na cara de todo mundo, na dele, no meu marido, na minha. Chegaram empurrando, jogaram meu telefone no chão, eu ia ligar para a polícia”, afirma, aos prantos, moradora da casa invadida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *