Para negociar, servidores querem a retirada da Mensagem 43 da Assembleia Legislativa

Colabore com o jornalismo independente, compartilhe.

FES reuniu sindicatos para discutir o início da Greve das categorias contra medidas do Governo Beto Richa. Ato público no dia 25 em Curitiba reforça mobilização em defesa da data base

Por Gustavo Vidal
FES – Fórum dos Servidores

Se o governo quiser negociar a data base dos servidores do Paraná deve retirar a Mensagem 43 da Assembleia Legislativa (Alep). A decisão do funcionalismo será apresentada hoje (19), às 14 horas, na reunião entre Fórum das Entidades Sindicais (FES) e representantes do Executivo na Celepar (Rua Mateus Leme, 1561).

A mesa de negociação foi agendada após servidores das diversas categorias reagirem às emendas do Governo Beto Richa à Lei de Diretrizes Orçamentárias. O Executivo quer descumprir a sua própria Lei, que define o reajuste dos vencimentos do funcionalismo em janeiro de 2017, condicionando o pagamento da reposição salarial de 2016 à implantação das progressões e promoções devidas a servidores.

Com a Greve iniciada na segunda-feira, dia 17, contra o fim data base, o FES avaliou os dois primeiros dias de paralisação e os encaminhamentos até a próxima terça-feira, dia 25, quando todas as categorias devem se reunir em Curitiba para ato público no Palácio Iguaçu.

Na reunião de amanhã, qualquer discussão sobre a suspensão das paralisações está condicionada à retirada das emendas da Alep. Os servidores não deixarão que, mais uma vez, o Governo Beto Richa ataque seus direitos para cobrir o rombo da má gestão.

| Agenda |

DIA 19

:: 13h

Ato público em frente a Celepar (Rua Mateus Leme, 1561)

:: 14h

Reunião entre FES e governo na Celepar (Rua Mateus Leme, 1561).

:: 16h

Coletiva de Imprensa do FES na recepção da Celepar (Rua Mateus Leme, 1561).

DIA 25

:: 09h

Ato público em Curitiba, caminhada da Praça Santos Andrade até a Assembleia Legislativa

anuncio-tsm-posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *