Petroleiros da Repar retomam greve neste sábado no Paraná

Colabore com o jornalismo independente, compartilhe.

Os petroleiros da refinaria Presidente Getúlio Vargas (Repar), em Araucária, retomam a greve a partir da zero hora deste sábado (08). O movimento foi suspenso na última segunda-feira (03). A categoria protesta contra a redução dos postos de trabalho, medida tomada unilateralmente pela Petrobrás que descumpre o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) e aumenta ainda mais a insegurança no parque industrial.

A partir da manhã deste sábado, os petroleiros da Repar irão se reunir em assembleias a cada troca de turno, três vezes por dia, para avaliar o movimento e decidir sobre a continuidade ou não. Também estará em pauta as demais formas de mobilização no caso de a empresa insistir na implantação da redução do efetivo mínimo.

Estão previstas assembleias até a próxima quarta-feira (12), mas a tendência é que o movimento se prolongue por mais dias se a Petrobras manter a sua posição.

Saiba mais:  Petrobrás reduz efetivo mínimo de trabalhadores e petroleiros da Repar preparam greve

Fonte: Sindipetro PR/SC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *