Sem Terra acreditam que incêndio ao redor de acampamento no PR tem origem criminosa

Compartilhe esta notícia.

A suspeita é que a própria empresa Araupel tenha causado o incêndio. Centenas de famílias se somam ao corpo de bombeiros para conter o incêndio.

Foto: MST

Desde ontem (10), centenas de famílias Sem Terra do Acampamento Herdeiros da Terra de 1° Maio tentam, junto ao corpo de bombeiros e a Polícia Militar, apagar um incêndio ao redor do acampamento, entre os municípios de Rio Bonito do Iguaçu e Quedas do Iguaçu, na região centro-sul do estado do Paraná.

Os trabalhadores rurais acreditam que se trata de um incêndio criminoso nas reservas florestais nativas. Os Sem Terra já registraram boletim de ocorrência e estão colaborando para descobrir a causa do incêndio.

Uma das suspeitas seria a própria empresa Araupel, que se reivindica proprietária das terras onde as famílias estão acampadas.

Continue lendo

MST

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *