Sindicato dos Agentes Penitenciários realiza visita em penitenciárias do Paraná

Colabore com o jornalismo independente, compartilhe.

Com a notícia de que as primeiras instalações já estariam acontecendo, o Sindarspen (Sindicato dos Agentes Penitenciários) realizou visitas de verificação, nesta segunda feira, 15 de janeiro, na unidade 1 da Penitenciá Estadual de Piraquara 1 (PEP 1) e na Penitenciária Feminina.

Desde novembro, a Secretaria de Segurança Pública do Paraná (SESP) e o Departamento Penitenciário (DEPEN-PR) anunciaram a instalação de celas modulares, os chamados “shelters”, em Curitiba, Piraquara, Guarapuava, Maringá, Londrina e Cornélio Procópio, como alternativa para a criação de vagas no sistema penitenciário.

Na PEP 1, existe a previsão de 08 shelters para inclusão de 96 presos. Verificou-se, que na Penitenciária Feminina, já foi dado o início na instalação de 03 shelters previstos para 36 presas.

Destacamos que não há previsão de mais funcionários, nem melhorias na infraestrutura (como abastecimento de água) acompanhando a instalação das novas celas modulares.

Também estiveram presentes o presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembléia Legislativa, Deputado Tadeu Veneri, e mais as advogadas Izabel Kugler Mendes e Elizabeth Subdil, do Conselho da Comunidade.

O Sindarspen manifestou-se contrário à medida, sem que haja a realização de diálogo com os envolvidos. O Conselho de Comunidade também se colocou contrário e o Deputado Tadeu Veneri informou que solicitará audiência com o Secretário de Segurança Pública e Administração Penitenciária.

Por Ana Carolina Caldas

Edição de Joka Madruga

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *