AÉCIO, JÁ PARA O CANTO

Compartilhe esta notícia.

1 – A odisséia incessante de Aécio Neves em busca da coroa pode ter explicação na sua infância e adolescência. Faltou ao boy alguns puxões de orelha e também o “cantinho do pensamento”. Aécio deve achar que fazer beicinho é o suficiente para todos realizarem suas vontades. Contudo, agora, mestres mais experientes estão a lhe dizer: “Já para o canto, Aécio. E sem choro”.

2 – É claro que Aécio ainda tem pais adotivos e vovô babão sempre prontos a punir suas manhas com sorvete de bola. É o caso de alguns periódicos e do ancião FHC. Não percebem, porém, que as pessoas à volta estão ficando cada vez mais achando sem graça ficar batendo o pezinho.

3 – Se Aécio, piá de prédio, é dono da bola, se esquece que também há outros donos da brincadeira. E esses percebem que a turma de baixo, irritada com os rompantes, pode querer mudar de jogo se Aécio insistir em mudar a regra.

4 – Para os mestres, a menina que cortava direitos, que Aécio chama de boba e feia, tem feito a lição de casa ordenada por eles. O que importa, independente de quem assina, é que o trabalho seja entregue. E lá está a Agenda Brasil, o ajuste fiscal, novos subsídios para se brincar de carrinho etc.

5 – Não adianta Aécio, e Serra, tacarem bolinha de papel na menina dentunça para desviar atenção de seus coleguinhas que estão comprando o gabarito da prova, como Eduardo Cunha. Boa parte de sua turma pode não ver, mas os mestres sabem que quem não estuda não tira dez, que há uma fraude por perto. E, para esses mestres, como Setúbal, mais do que mimar o bronzeado garoto, prevalece o mérito e a honra da escola.

EM TEMPO: No Paraná, o piá de prédio segue brincando de corrida, aplaudido pelo camarote cheio enquanto a arquibancada se esvazia rapidamente.

Por Manolo Ramires
Terra Sem Males

anuncio-tsm-posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *