#Ágora REPORTAGEM ESPECIAL – Me agredir não resolve o problema

Compartilhe esta notícia.

Violência física contra trabalhadores é pouco discutida no Brasil

Por Manoel Ramires
Sismuc

Existe um tipo de violência que não aparece de forma detalhada nas pesquisas. Trata-se de agressões físicas contra os trabalhadores. Frequentemente, servidores públicos, bancários, professores, jornalistas e profissionais que lidam com o público sofrem com algum tipo de agressão física ou moral. Contudo, o poder público, os empresários e os representantes da categoria são omissos tanto no combate quanto em campanhas de conscientização da população. E nesse “vácuo” de política, os casos ocorrem quase que “isoladamente”.

Confira matéria especial publicada na Revista Ágora

 

Acesse aqui a matéria especial produzida pelos editores do Terra Sem Males, sobre o acampamento Dom Tomás Balduíno, também publicada nesta edição da Ágora

 

anuncio-tsm-posts

One thought on “#Ágora REPORTAGEM ESPECIAL – Me agredir não resolve o problema

  • 14 de abril de 2016 em 11:51
    Permalink

    Incrível como essas agressões são comuns no dia à dia e poucos de nós paramos pra pensar sobre elas. E tem uma face que vale a pena ver que vemos sempre o “agredido” e o “agressor” mas há um personagem oculto nessa visão… As vezes o empresário que está lucrando atrás disso, outras vezes a própria opinião pública que dita a relação entre os cujos… Poucos param para se concientizar sobre várias questões que a sociedade literalmente “empurra com a barriga”.

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *