Audiência pública da reforma agrária acontece no Paraná

Compartilhe esta notícia.

Por Leonardo Aragão
Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados

Foto: Joka Madruga/Terra Sem Males

A Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados, representada por seu vice-presidente, deputado federal Nilto Tatto (PT-SP), organiza amanhã, às 9 horas, audiência pública no município de Rio Bonito (PR) para mediação do conflito agrário entre MST e Araupel Celulose.

Em 09 de fevereiro, o movimento e a Araupel assinaram um acordo para retirada de madeira nas áreas ocupadas.

Com o objetivo de tentar encaminhar uma resolução definitiva para o conflito, a Câmara reunirá representações das instituições que acompanham o conflito, como Ministério Público, Defensoria Pública, Governo do Estado, Tribunal de Justiça, INCRA, Conselho Nacional de Direitos Humanos, Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Paraná, Ordem dos Advogados Do Brasil e Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão, além da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), o deputado federal Enio Verri (PT-PR) e integrantes das partes interessadas.

Serviço:
Audiência Pública de resolução do conflito entre MST e Araupel
Local: Ginásio de Esportes de Rio Bonito do Iguaçu (PR)
Horário: 9h

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *