Deputado Romanelli, líder do governo, informa Beto Richa que Assembleia não votará reajuste de servidores abaixo da inflação

Colabore com o jornalismo independente, compartilhe.

Romanelli disse aos deputados na última segunda-feira, 25 , que não medirá esforços para reabrir as negociações entre governo do Paraná e servidores públicos grevistas. Foto: Joka Madruga

Durante sessão da última segunda-feira, 25 de maio, no plenário da Assembleia Legislativa do Paraná, o deputado estadual Luiz Cláudio Romanelli, líder do governador Beto Richa na casa, disse aos demais deputados que encaminhou ao governador a posição da bancada governista de que o reajuste dos servidores públicos estaduais deve repor integralmente a inflação, ou seja, o índice deve ser de 8,17%.

A greve dos professores está perto de completar um mês e nesta terça-feira, 26 de maio, outras categorias aderiram ao que já está sendo chamada de greve geral das categorias. Além de professores e funcionários de escolas estaduais, estão em greve professores de universidades estaduais, agentes penitenciários e hoje servidores do judiciário também aderiram ao movimento.

O governador suspendeu as negociações após anunciar que encaminharia para votação o reajuste de 5%, parcelado em duas vezes, mas de acordo com informações dos parlamentares, o projeto ainda não foi encaminhado para votação. A liderança do Partido dos Trabalhadores atribui essa demora e omissão do governo ao medo de perder a disputa entre os deputados, “pois a maioria de sua base não quer se indispor ainda mais com os servidores”.

Por Paula Zarth Padilha
Terra Sem Males 

 

Um comentário em “Deputado Romanelli, líder do governo, informa Beto Richa que Assembleia não votará reajuste de servidores abaixo da inflação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *