Exposição fotográfica “Não foi acidente, é a lama que mata” estará na Cidade de Goiás

Compartilhe esta notícia.

Acontece entre os dias 20 e 25 de junho, no município Goiás (também conhecido como Cidade de Goiás ou Goiás Velho), o 19º Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental – FICA. Durante o evento serão expostas 36 fotos do repórter fotográfico Joka Madruga, responsável pelo site Terra Sem Males – Jornalismo Independente.

As imagens mostram o drama das vítimas do maior crime ambiental do Brasil, que aconteceu na Bacia do Rio Doce em novembro de 2015, quando uma barragem de resíduos da Mineradora Samarco SA, empresa da Vale e BHP Billiton, rompeu em Mariana-MG, matando mais de uma dezena de pessoas e causando enormes prejuízos ao meio ambiente e à população local.

A exposição será na Igreja do Rosário e a entrada é gratuita. Joka Madruga também vai falar sobre o Terra Sem Males e seus projetos documentais de fotografia.

O FICA adquiriu solidez e independência, marcando-se como um dos mais importantes acontecimentos do calendário cinematográfico mundial. Desde a primeira edição, o festival tem descrito uma trajetória de crescimento e consolidação. Uma das causas dessa ascensão é o fato de possuir a maior premiação da América Latina no gênero: R$ 240 mil em prêmios.

Acesse aqui a programação completa do Festival

 

One thought on “Exposição fotográfica “Não foi acidente, é a lama que mata” estará na Cidade de Goiás

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *