Fruet reduziu investimentos no servidor público em Curitiba

Compartilhe esta notícia.

Por Manoel Ramires
Terra Sem Males

O prefeito Gustavo Fruet reduziu a verba destinada aos servidores municipais. É isso que revela análise técnica feita pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Econômicos (Dieese) a partir de estudo da lei de responsabilidade fiscal (LRF). A queda foi de 44,41% dos recursos em 2015 para 43,28% no primeiro quadrimestre de 2016.

Dois fatores podem ser apontados para a queda do índice. O primeiro deles é o aumento da receita corrente acumulado do município em 18,46% entre maio de 2015 e abril de 2016. A elevação “é decorrente do aumento significativo da Receita Patrimonial e das Outras Receitas Correntes”, avalia o Dieese. O segundo aspecto é a diminuição de servidores da ativa. De acordo com o Conselho de Administração do IPMC, a Prefeitura tinha 34.827 servidores ativos. Atualmente são 33.814 servidores.

Para o Dieese, Fruet reverteu uma tendência na lei. “O município de Curitiba apresentou no período de 2011 a 2015, uma tendência de alta deste percentual, passando de 35,98% para 44,41%, todavia, no primeiro quadrimestre de 2016 houve uma alteração desta tendência, caindo para 43,28%”, esclarece o departamento.

Fonte: Dieese
Fonte: Dieese

anuncio-tsm-posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *