Sucesso de vendas pela internet, cerveja artesanal Fora Temer é feita no Paraná

Compartilhe esta notícia.

Dentro da garrafa só tem malte, água, lúpulo e fermento transformados em produto da luta pela reforma agrária e contra o golpe

Por Paula Zarth Padilha
Fotos: Wellington Lenon
Terra Sem Males

A Cervejaria Artesanal Latino Americana surgiu há dois anos quando Igão de Nadai, 30 anos, educador, provou a bebida feita em casa por um amigo paulista. “Eu nunca tinha tomado e nunca tinha comprado uma cerveja dessas, eu nem sabia que existia. Eu provei e percebi que é muito mais gostosa que a cerveja industrializada. Um dia chamei um amigo colombiano lá em casa para, de brincadeira, fazer uns 15 litros de cerveja. Enquanto fazíamos, escutávamos as musicas latino-americanas e trocávamos ideias sobre nosso continente ”.

Ele conta que a partir desse dia começou a fazer para consumo próprio e que contou com a disponibilidade de cervejeiros artesanais para ter acesso às receitas e dicas sobre o processo de produção. Igor é educador e mora no acampamento Herdeiros da Luta em Porecatu, norte do Paraná, que reúne famílias do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra na luta pela reforma agrária para a produção de alimentos saudáveis pela agricultura familiar.

Em 2016, Igão começou a produzir para venda e a cerveja artesanal ganhou o rótulo “Fora Temer”, batizada por uma amiga. O produto foi divulgado nas redes sociais e viralizou. “Virou um negócio que ligou gente do Brasil inteiro, de Manaus, Salvador, até uns artistas publicaram nas redes sociais”.

Atualmente, Igão e sua companheira Viviane produzem em média 30 litros da bebida por semana, que é o que eles dão conta de produzir e são vendidos imediatamente para grupos e contatos entre cervejeiros, que, segundo ele, compram 40, 50 garrafas, a maioria fica na região de Londrina.

“Eu vendo a cerveja artesanal como complemento de renda, mas a gente incentiva que todo mundo produza para que a gente consiga ser cada vez mais livres dos conservantes e outros produtos químicos nas cervejas industrializadas, que levam uma porcentagem cada vez mais alta de grãos não maltados (arroz e milho)”, justifica.

Igão é um facilitador da produção artesanal de cerveja. “É fácil, é muito gostosa, é um produto de origem camponesa, sobretudo das mulheres. Só tem água, malte, lúpulo e fermento. Todo mundo pode se organizar pra fazer para que a gente possa ter cerveja com mais qualidade”, recomenda.

A cervejaria Latino Americana já vendeu para Rio Grande do Norte, Bahia, Goiás, Brasília, Sergipe, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, tudo com a cara do Fora Temer, com preços que variam entre R$ 14 e R$ 15. A “marca” Fora Temer foi escolhida para que a cerveja artesanal seja mais uma voz a fazer coro com a do povo brasileiro. “Um produto de qualidade contra alguém que representa o retrocesso”, define.

Igão recomenda que ela seja conservada fora da geladeira, com a garrafa em pé, e que seja refrigerada quando for consumida. Para comprar a cerveja Fora Temer, entre em contato pelo e-mail [email protected] ou (43) 9 9901-2355.

A cerveja também estará disponível para venda na Feira Nacional da Reforma Agrária, que será realizada em São Paulo no mês de maio, e na Jornada de Agroecologia, que será realizada em julho na cidade da Lapa, Paraná.

 

3 thoughts on “Sucesso de vendas pela internet, cerveja artesanal Fora Temer é feita no Paraná

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *