Trabalhadores da URBS não recebem e paralisam atividades em Curitiba

Compartilhe esta notícia.

Por Vanda Moraes
Sindiurbano

Os trabalhadores da URBS/SETRAN amanheceram em GREVE por tempo indeterminado nesse dia 26 de abril de 2016.

Mais uma vez, a direção da URBS deixou de pagar salários e vale alimentação no dia determinado pelo Acordo Coletivo de Trabalho 2015/2016.
O ACT assinado entre a empresa e o sindicato determina que o pagamento salarial e dos benefícios deve ser realizado até do dia 25 de cada mês. Apenas metade do valor referente ao salário que os trabalhadores tinham para receber foi depositado. E, apesar de a URBS ter divulgado um documento afirmando que o vale alimentação estaria disponível hoje, 26, não há qualquer pagamento ou previsão até este momento.
Sendo assim, não restou outra alternativa aos trabalhadores senão cruzar os braços na luta por seus direitos mais básicos.
Serão paralisadas atividades de fiscalização e orientação do transporte coletivo e do trânsito,  fiscalização e higienização de equipamentos urbanos, área administrativa da URBS e da SETRAN, cartão transporte, entre outros serviços.
anuncio-tsm-posts

One thought on “Trabalhadores da URBS não recebem e paralisam atividades em Curitiba

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *